Home
A Comunidade
Institucional
Nossa História
Nossos Objetivos
Galeria de Fotos
Estrutura
A Escola Comunitária Maria Lins Wanderley foi fundada pela Sra. Zeneida Hipólito da Paixão, no Estado de Pernambuco, na cidade de Jaboatão dos Guararapes, no bairro de Barra de Jangada, na comunidade “Sovaco da Cobra”.

Apoio:

Nosso compromisso, enquanto Instituição Educacional, é no atendimento às crianças da comunidade carente, na qual nos situamos, com ensino da Pré-Alfabetização, até o Ensino Fundamental. Ao definirmos nosso processo político-pedagógico, levamos em consideração as deficiências, em geral, inerentes a nosso público alvo.

Nossa entidade foi criada, para trabalhar o cotidiano dessas crianças, oportunizando uma melhoria efetiva de seu padrão de vida e efetuando o resgate de seus valores sócio-culturais, a fim de que possam ser formadas não apenas em um nível fundamental de escolarização, mas também que sejam formados como cidadãos.

Nosso trabalho é feito com transparência e seriedade, único meio de podermos alcançar nossos objetivos.

METAS

Dispomos de salas de aula, com carteiras e mesas para professores, bem como local para preparação das merendas e área externa para recreação, porém necessitamos adquirir materiais diversos, minimamente necessários, para a correta operacionalização de nossos objetivos, a saber:

- Materiais pedagógicos e didáticos, compatíveis com o ensinamento proposto;
- Gêneros alimentícios, para permitir a alimentação dos alunos, durante o período de usa permanência na escola;

- Materiais recreativos e lúdicos, para facilitar o aprendizado e o reforço escolar e permitir a consecução de nossa meta;
- Materiais de limpeza e higiene, indispensáveis no dia-a-dia da escola.

JUSTIFICATIVA

Todas as ações, desenvolvidas nesta Instituição Educacional, expressam o comprometimento com um número significativo de crianças, em idade escolar que, de outra forma, não teriam oportunidade de serem alfabetizadas e nem sequer de terem acesso a uma alimentação adequada.

Cuidando dessas crianças, retirando-as das ruas e cuidando do seu desenvolvimento físico e intelectual, estamos agindo naquilo, onde os pais que formam a comunidade tem de mais precioso: seus filhos.

Dando às crianças educação e alimentação, levando-as à alfabetização e ao ensino fundamental, estaremos agindo, no sentido de formar futuros cidadãos, ao mesmo tempo em que lutamos para reduzir o número de menores na rua, sendo, ao mesmo tempo, vítimas de agressores da sociedade.

Acreditamos na Justiça Social, feita com a maneira da vida de cada indivíduo que a compõe, sendo atendidas suas necessidades básicas de alimentação e educação.